Microfisioterapia | Terapia Manual | Instituto Salgado de Saúde Integral

Blog / Notícias

23/01/2017

Terapia Bowen e Artrite Reumatóide

A Artrite Reumatoide (AR) é uma doença inflamatória crônica severa, debilitante.

A característica principal é a inflamação articular persistente, com dores e deformidades progressivas. Há casos em que outros órgãos são comprometidos.

A artrite reumatoide é uma doença mais frequente nos indivíduos do sexo feminino. Tem o seu pico de incidência entre 35 e 55 anos.

Causa

Não se conhece a causa da Artrite Reumatoide. Pensa-se que a origem da doença seja devida a uma alteração do sistema imunológico que determina a auto-agressão dos tecidos. Normalmente, o sistema imunitário do organismo tem como missão defender-se dos agentes externos potencialmente perigosos, mas na AR erra o alvo e reconhece como estranho qualquer componente do organismo, atacando-o e desencadeando inflamação da membrana (sinovial) que forra a cápsula fibrosa que envolve e protege as articulações.

Frequentemente acomete inúmeras articulações tais como punhos, mãos, cotovelos, ombros e pescoço, podendo levar à deformidades e limitações de movimento permanentes.

Sinais e sintomas

A AR é geralmente simétrica e as articulações afectadas podem apresentar sinais inflamatórios intensos, tais como edema, calor, rubor e dor. Os sintomas extra-articulares mais comuns são: anemia, cansaço extremo, perda de apetite, perda de peso, aumento dos gânglios e nódulos subcutâneos.
Costuma ser de instalação lenta e pouco agressiva, localizando-se inicialmente nas pequenas articulações das mãos.

Uma característica da Artrite Reumatóide (AR) é a rigidez matinal.Os pacientes acordam com dificuldade em movimentar as articulações, esta pode permanecer por mais de 1 hora. Nos casos mais graves a rigidez matinal só alivia parcialmente, permanecendo dor e limitação de movimentos durante todo o dia.

Diagnóstico

O diagnóstico depende da associação de uma série de sintomas e sinais clínicos, achados laboratoriais e radiográficos.

É o conjunto de todas as averiguações, como a VS (velocidade de sedimentação), o doseamento da proteína C-reactiva e as alfa-2 globulinas, e o exame específico, o teste RA (que tem por objetivo evidenciar o fator reumatoide, um anticorpo anomalo presente nos doentes) que confirmam a existência de um estado inflamatório.

Tratamento

O tratamento da artrite reumatoide deve ser iniciado o mais rapidamente possível e difere de pessoa para pessoa, consoante a idade e a gravidade das perturbações. O tratamento engloba o uso de medicação e fisioterapia.

A Terapia de Bowen no tratamento da Artrite Reumatoide

A Terapia de Bowen tem um sucesso considerável na recuperação da qualidade de vida de um paciente de AR. Esta terapia consegue tirar as dores, provocar uma diminuição da rigidez matinal e consequentemente uma melhoria da mobilidade. Contribui também para a minimização dos riscos para o organismo, da toma excessiva de medicação para aliviar as dores, na maior parte das vezes sem sucesso.

O paciente com AR, necessita apenas de fazer uma manutenção (um tratamento por mês) para manter a sua qualidade de vida.

É evidente que se recomenda a estes pacientes que continuem a serem seguidos regularmente pelo seu reumatologista, mas em contrapartida podem fazer uma vida normal sem medicação e sem dores.